Menos é mais

O que você faz nos primeiros instantes de atenção que um possível cliente, investidor ou parceiro de negócios lhe dá?

Você quer mesmo desperdiçar esses poucos segundos falando difícil e, o pior, falando sobre você?

Ou você quer fazer uma pergunta que deixe a outra pessoa intrigada? Talvez você queira contar uma estória com a qual ela se identifique e que permita que ela crie uma conexão com você e com a sua empresa.

Se isso já é desafiador no mundo “real”, o de carne e osso, imagine na Internet.

Seu website tem alguns instantes para capturar e manter a atenção de pessoas que não conhecem você ou a sua empresa e que estão ocupadas com outras atividades enquanto navegam na Internet.

Pare de usar textos complexos, cheio de jargões e falando sobre o quanto você e sua empresa são bons.

Pare de confundir o visitante com uma navegação maluca e outras formas incomuns de interação.

Pare de desviar a atenção dos visitantes com música ambiente, imagens se movendo (sem nenhum objetivo específico) e outras animações desnecessárias.

Menos é mais. Simplifique!

E lembre-se: a atenção é uma das novas moedas dos tempos modernos. Sem ela, você e eu estamos fadados ao fracasso.

Leia também:

Daniel Henrique Alves Lima

Atualmente, dedico-me a ajudar pequenas empresas a começarem na Internet ou a melhorarem sua presença na web, através de seus sites e blogs, construindo uma boa e reputação online. Esta servirá para se aproximarem de seus clientes atuais e para alcançarem novos clientes, gerando mais negócios.

Saiba mais sobre mim no site da Onbiz ou acessando meu blog pessoal.

Mais posts

Siga-me:twitterlinkedin

Nenhum comentário

Deixe um comentário


quatro + = 5